Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Podem me chamar pra pedir a venda da Petrobras e do Banco do Brasil! Eu vou! Combate à corrupção é obrigação, não agenda

Podem me chamar para uma manifestação em favor da reforma da Previdência. Eu vou! Podem me chamar para uma manifestação em favor da reforma trabalhista. Eu vou!

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 30 jul 2020, 21h11 - Publicado em 4 dez 2016, 09h58

“Pô, Reinaldo, então você não é favorável ao combate à corrupção?”

A pergunta é imbecil. É como indagar se alguém é contra o bem.

Sim, aceito participar de protestos, manifestações etc. Mas é evidente que não passei quase 20 anos combatendo o PT para me render a uma agenda mixuruca. E NÃO! O TRABALHO DA LAVA-JATO NÃO É MIXURUCA! É ESSENCIAL. MAS NÃO É UMA PAUTA POLÍTICA.

Podem me chamar para uma manifestação em favor da reforma da Previdência. Eu vou!

Podem me chamar para uma manifestação em favor da reforma trabalhista. Eu vou!

Podem me chamar para uma manifestação CONTRA o financiamento público de campanha. Eu vou!

Podem me chamar para uma manifestação em favor da privatização de TODAS AS ESTATAIS. Eu vou!

Continua após a publicidade

Podem me chamar para uma manifestação em favor do Parlamentarismo com voto distrital puro. Eu vou!

“Mas você não vai a uma manifestação contra a corrupção, de jeito nenhum?”

Ora, é claro que eu vou!

Mas me recuso a ser massa de manobra de setores do Ministério Público e do Judiciário, que, também em defesa de seus privilégios e de seus supersalários, resolvem surfar na onda do ódio aos políticos, manipulando o justo sentimento de indignação dos brasileiros.

Quero o MP e a Justiça fazendo o seu trabalho com correção, firmeza e sem espalhafato.

Podem consultar o arquivo. Era essa a minha opinião quando o PT era oposição, quando o PT era governo e agora que voltou a ser oposição.

Ah, sim: “Pô, Reinaldo, essa sua manifestação aí não vai juntar dez pessoas… O Antonio Prata não vai!”.

Eu sei.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)