Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Reinaldo Azevedo

Por Blog Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura
Continua após publicidade

Os processos do homem que é o relator do projeto das casas de Lula… Aquelas que não têm teto, não têm nada

No Globo:O senador Leomar Quintanilha (PMDB-TO), relator na Comissão de Orçamento do projeto que garantirá R$ 6 bilhões à construção de um milhão de casas populares, é alvo de dois inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF). Reportagem de Maria Lima, publicada na edição deste domingo de O GLOBO, mostra que o senador é investigado por […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 17h50 - Publicado em 12 abr 2009, 07h51
No Globo:
O senador Leomar Quintanilha (PMDB-TO), relator na Comissão de Orçamento do projeto que garantirá R$ 6 bilhões à construção de um milhão de casas populares, é alvo de dois inquéritos no Supremo Tribunal Federal (STF). Reportagem de Maria Lima, publicada na edição deste domingo de O GLOBO, mostra que o senador é investigado por participação em esquema de lavagem de dinheiro, superfaturamento, pagamento de propina e desvio de R$ 25 milhões de recursos, principalmente de emendas parlamentares, destinados à construção de, justamente, moradias populares, em Tocantins.
Posto na presidência do Conselho de Ética pela cúpula do PMDB, durante o processo de cassação do senador Renan Calheiros (PMDB-AL), Quintanilha, também naquela época, teve de dar explicações sobre esses inquéritos, abertos no STF a pedido do Ministério Público, após investigação da Polícia Federal.
Os relatórios do MP que motivaram a abertura dos inquéritos apontam para denúncias de envolvimento de Quintanilha e do irmão, Cleomar, no esquema de desvio e favorecimento de empreiteiras com recursos de emendas.
O senador é suspeito de usar o irmão como testa de ferro para desviar o dinheiro e receber propinas. O esquema, descoberto em 2000, teria a participação de 30 empreiteiras e atingido 80 obras em 33 municípios de Tocantins. Segundo relatório do MPF, a empreiteira Forma ganhava a maioria das licitações, recebia as emendas, mas não realizava as obras. Subcontratava outras empresas, distribuindo entre o grupo cerca de 40% dos lucros.
– Isso é um carma que estou carregando há tantos anos! O que tem uma coisa a ver com a outra, meu Deus? Estou sendo investigado junto com umas 90 pessoas, e no cabeçalho tem lá aquelas coisas pesadas (formação de quadrilha), mas não devo nada – jura Quintanilha.

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.