Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Reinaldo Azevedo

Por Blog Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura
Continua após publicidade

Oriente Médio: e agora? Como fica o discurso cretino da “reação desproporcional”?

Vocês já sabem e lerão nos jornais de hoje que o Hezbollah fez ontem o pior ataque a Israel, matando 15 pessoas e ferindo mais de 180, 160 delas em Haifa, a terceira maior cidade do país. Nessas horas, fico pensando naquela tese da “reação desproporcional” e nos que insistem que, moralmente, não há distinção […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 23h21 - Publicado em 7 ago 2006, 05h34
Vocês já sabem e lerão nos jornais de hoje que o Hezbollah fez ontem o pior ataque a Israel, matando 15 pessoas e ferindo mais de 180, 160 delas em Haifa, a terceira maior cidade do país. Nessas horas, fico pensando naquela tese da “reação desproporcional” e nos que insistem que, moralmente, não há distinção entre os israelenses e os terroristas. Pois é… O que seria uma reação proporcional? O Hezbollah mata oito soldados e seqüestra dois; Israel, então, deveria fazer o mesmo? Iria seguindo a pauta ditada pelo Hezbollah, sempre de forma “proporcional”?… Vejam aí: mesmo com ataques duros, ainda não se conseguiu eliminar o poder de ataque dos inimigos. O governo do Líbano, agora entregue ao terror, diz rejeitar um cessar-fogo que não preveja a imediata saída de Israel do país. O ponto é o seguinte: o Líbano não existe mais. O país foi vítima de um golpe militar e está sob o comando de uma milícia homicida, cujo objetivo declarado é destruir o país vizinho. Mas, é claro, o mundo está chocado é com Israel. Quando os poetastros do colunismo acionam a sua pena, é para defender as criancinhas libanesas — que merecem, sim, ser defendidas. Mas há crianças dos dois lados da fronteira. E o Hezbollah só não manda todos os israelenses aos ares, aos pedaços, crianças ou não, porque não pode, porque não é militarmente capaz. Mas ambiciona sê-lo um dia. E, por essa razão, em defesa das crianças que há e que haverá nos dois países, tem de ser destruído.

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.