Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Reinaldo Azevedo

Por Blog Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura
Continua após publicidade

Façamos assim: Esteves sai do BTG Pactual, e Dilma, do Brasil! Que tal?

BC quer aproveitar episódio para tirar André Esteves do comando do BTG Pactual

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 00h00 - Publicado em 27 nov 2015, 16h40

O Banco Central avalia que o banqueiro André Esteves deveria ficar afastado da administração do BTG Pactual, mesmo depois de deixar a cadeia. Ele está em prisão temporária, que expira neste domingo se não for prorrogada.

Ele é acusado de tentar obstruir investigações da Lava Jato, em parceria com o senador Delcídio do Amaral (PT-MS) e o advogado Edson Ribeiro.

Para o BC, o retorno de Esteves ao comando do BTG, enquanto ainda pairam suspeitas sobre seu envolvimento no caso, poderia prejudicar ainda mais a imagem do Pactual. O Banco Central diz, inclusive, haver caminhos legais para forçar a saída do banqueiro caso ele seja liberado e insista em manter seu posto na instituição financeira.

O BC é o regulador do setor bancário, e a avaliação é que possui instrumentos para interromper mandatos caso a medida ajude a garantir a saúde financeira de um banco.

Continua após a publicidade

Vamos com calma aí. A depender dos crimes cometidos, muito especialmente os financeiros, o BC, de fato, pode proibir certas pessoas de atuar no mercado.

Ainda não é o caso de Esteves. É evidente que, se ele passar a representar um perigo para o BTG — que atua, de fato, em área fortemente regulada — e para o sistema bancário, aí é caso de intervir para forçar a saída. Mas parece que se está bem longe disso. De resto, creio que os sócios seriam os primeiros a impor a saída.

Por enquanto, o governo só está exercitando o velho vício de mandar. Venham cá: Esteves não pode continuar a comandar o Pactual, mas Dilma pode continuar a comandar o Brasil? E Renan Calheiros, o Senado? E Eduardo Cunha, a Câmara?

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.