Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Reinaldo Azevedo

Por Blog
Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura
Continua após publicidade

Dólar sobe e põe em risco o combate à inflação

Por Mariana Carneiro, na Folha: A recente alta do dólar pode se transformar num problema a mais para o Banco Central em sua estratégia de trazer a inflação de volta à meta, de 4,5%. Muitos produtos consumidos no país, como alimentos e metais (commodities), são negociados no exterior e têm preços formados em dólares. Durante […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 10h48 - Publicado em 13 set 2011, 05h19

Por Mariana Carneiro, na Folha:
A recente alta do dólar pode se transformar num problema a mais para o Banco Central em sua estratégia de trazer a inflação de volta à meta, de 4,5%. Muitos produtos consumidos no país, como alimentos e metais (commodities), são negociados no exterior e têm preços formados em dólares. Durante boa parte do ano, a escalada dos valores desses itens foi compensada pelo enfraquecimento da moeda americana. No entanto, nas últimas semanas, a tendência se inverteu e o real voltou a cair frente ao dólar.
Nos últimos 60 dias, a moeda brasileira cedeu 6%. No mesmo período, segundo levantamento da consultoria RC Associados, o valor das commodities ficou, em média, 2% mais baixo.

A expectativa é de que esse descompasso traga maior pressão inflacionária. O câmbio e o mercado internacional influenciam nos preços de cerca de 30% dos produtos considerados no cálculo da inflação. Óleo de soja, carnes e farinha de trigo, por exemplo, estão entre os itens que poderão ficar mais caros no Brasil. Ontem, o dólar subiu 1,79%, a R$ 1,71. Foi a primeira vez, em 2011, que a cotação rompeu a barreira de R$ 1,70. Aqui


Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.