Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Reinaldo Azevedo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO

Por Blog
Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura
Continua após publicidade

Dilma chama arruaceiros de “fascistas”. Vamos ver! Ou: “Aliche é fascista demais para o meu estômago!”

Ah, fazer o quê? Às vezes, até Dilma Rousseff pode estar quase inteiramente certa — e já direi qual é a minha restrição. Quando está, é o caso de vir aqui e dizer: “Está”. Assim como, por contraste, descasquei o seu secretário-geral da Presidência, Gilberto Carvalho, que resolveu dar piscadelas para arruaceiros. Leiam o que informa […]

Por Reinaldo Azevedo
Atualizado em 31 jul 2020, 05h04 - Publicado em 1 nov 2013, 20h25

Ah, fazer o quê? Às vezes, até Dilma Rousseff pode estar quase inteiramente certa — e já direi qual é a minha restrição. Quando está, é o caso de vir aqui e dizer: “Está”. Assim como, por contraste, descasquei o seu secretário-geral da Presidência, Gilberto Carvalho, que resolveu dar piscadelas para arruaceiros. Leiam o que informa Folha. Volto em seguida:

*
A presidente Dilma Rousseff qualificou de “fascista” a série de ações violentas que tem ocorrido em manifestações por todo o país. Dilma defendeu nesta sexta-feira (1º) uma ação unificada entre o Executivo, o Legislativo e o Judiciário para combater ações de vandalismo em protestos, como as que têm sido protagonizadas por grupos como os “black blocs”. “Somos a favor de manifestações pacíficas. Mas devemos repudiar integralmente o uso da violência nessas manifestações. Não podemos aceitar pessoas tampando o rosto, destruindo o patrimônio público e machucando os outros. Essas pessoas não são democráticas”, afirmou a presidente.

As declarações foram dadas em entrevista às rádios Metrópole FM e Tudo FM, de Salvador. A presidente desembarcou na manhã desta sexta-feira na capital baiana para participar da inauguração da Via Expressa Baía de Todos os Santos, que vai ligar o porto de Salvador à BR-324, principal saída da cidade. Na entrevista, Dilma afirmou ainda que “nós temos de nos responsabilizar para não deixar que a democracia no Brasil se confunda com esse tipo de ação violenta e bárbara”. “Fascista”, disse em seguida o jornalista que a entrevistava. “Fascista”, repetiu a presidente.
(…)

Comento
Tanto a presidente como os jornalistas precisam parar de chamar de “fascista” tudo aquilo de que não gostam. Por conta da hegemonia que as esquerdas exercem na imprensa e nos meios culturais, “fascismo” virou sinônimo de tudo o que não presta — e o fascismo, é bom deixar claro, é uma das coisas que não prestam. Mas não pode ser evocado assim, indiscriminadamente.
— Quer pizza de aliche?
— Ah, não, aliche é fascista demais para o meu estômago!

Ou:
— Nossa! Estou com um sapato fascista!
— Como assim?
— Está fazendo bolha no meu pé.

Continua após a publicidade

Ou ainda:
— Arrume o seu quarto. Está uma bagunça!
— Ah, pai, que coisa fascista!

Notem: fascismo e socialismo têm a mesmíssima origem, com diferenças de acento. Nem entro agora nessas minudências. Ocorre que Dilma não deve achar isso. Prefere o pensamento convencional, que é mais ideologia do que história: “fascismo = direita”; “socialismo = esquerda”. Assim, dados os parâmetros da presidente, cumpre observar que boa parte da pancadaria está sendo promovida por grupos de esquerda, não de direita. Liberais, por exemplo, são, direitistas — quando a palavra não é tomada como ofensa. Alguém já os viu por aí a interditar avenidas, pontes, viadutos? Acho que não!

Sim, a prática dos arruaceiros lembra gangues fascistas que se manifestaram ao longo da história, mas também remetem às gangues comunistas. Então ficamos assim: é coisa de gente que não reconhece a democracia como um valor inegociável, seja com que viés for. Uma coisa é certa: TODOS OS QUE BOTAM PRA QUEBRAR HOJE SE DIZEM DE ESQUERDA E QUEREM NÃO SÓ FIM DO LIBERALISMO, COMO OS FASCISTAS, MAS O FIM DO CAPITALISMO. Sei que é tarefa grande demais pra eles, mas cada louco com a sua convicção, não? Se Dilma quiser fazer um acordo, fecho com ela assim: TRATA-SE DE FASCISMO DE ESQUERDA!

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por VEJA.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou

Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.