Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Reinaldo Azevedo Por Blog Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura

Damos dinheiro a um tal Flávio Renegado para ele nos xingar na Globo, em rede nacional

Eu realmente não sabia. Leitores me mandam links sobre a participação de um tal “Flávio Renegado” no Criança Esperança da Globo. Segundo este senhor, os que batem panela da Paulista pertencem à organização racista Ku Klux Klan. Não vou falar de sua melodia porque, em casos assim, nunca é o caso. A letra é de […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 31 jul 2020, 00h41 - Publicado em 18 ago 2015, 05h45

Eu realmente não sabia. Leitores me mandam links sobre a participação de um tal “Flávio Renegado” no Criança Esperança da Globo. Segundo este senhor, os que batem panela da Paulista pertencem à organização racista Ku Klux Klan. Não vou falar de sua melodia porque, em casos assim, nunca é o caso. A letra é de uma pobreza boçal. Se a Globo chamou é porque deve achar que sua mensagem leva esperança às criancinhas, não é?

Vejam o vídeo. Volto em seguida.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=s5yUXudZ_Ws%5D

Mas isso é o de menos. Ele poderia, ao menos, vender a sua “arte” por sua própria conta, sem contar com a nossa ajuda.

Mas quê!!! Você que bate panela na Paulista; você que bate panela Brasil afora; você que é um entre os milhões que já foram às ruas pedir o impeachment de Dilma financia a poesia pobre do tal “Flávio Renegado”. Renegado, claro!, mas na Globo. Renegado, claro, mas não pelas tetas do governo.

Vejam isto (se preciso, clique na imagem para ampliá-la):

Continua após a publicidade

Flavio REnegado

O Flávio Renegado pediu ao Ministério da Cultura petista, e obteve, a autorização para captar R$ 397.050 pela Lei Rouanet, a Lei de Incentivo à Cultura. Quem arca com o custo da renúncia fiscal?

Ora, os que trabalham. Os que batem panela.

Ou por outra: damos dinheiro a Flavio de Abreu Lourenço, o dito Flávio Renegado, para ele nos xingar na Globo, em rede nacional.

O “Criança Esperança” não se contenta mais em ser cafona. Agora também tem de apresentar pitadas de luta de classes e de guerra racial. Deve fazer parte da diversidade cultural.

Desde que o Renan Calheiros assegure a governabilidade, é claro!

Texto publicado originalmente às 2h50
Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês