Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Reinaldo Azevedo

Por Blog Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Blog do jornalista Reinaldo Azevedo: política, governo, PT, imprensa e cultura
Continua após publicidade

Cartilha do governo Lula estimula alunos de 13 a 19 anos a narrar suas “transas”

Por Leila Suwwan, na Folha desta quarta: O governo federal elaborou e vai distribuir para estudantes de escolas públicas de 13 a 19 anos uma “agendinha” com dicas sobre beijo, sedução, masturbação e saúde. Polêmica, a cartilha inclui até uma lista a ser preenchida com as melhores “ficadas” -relacionamentos-relâmpago entre jovens.Na parte sobre beijos, a […]

Por Reinaldo Azevedo Atualizado em 6 jun 2024, 08h08 - Publicado em 7 fev 2007, 05h15
Por Leila Suwwan, na Folha desta quarta:
O governo federal elaborou e vai distribuir para estudantes de escolas públicas de 13 a 19 anos uma “agendinha” com dicas sobre beijo, sedução, masturbação e saúde. Polêmica, a cartilha inclui até uma lista a ser preenchida com as melhores “ficadas” -relacionamentos-relâmpago entre jovens.Na parte sobre beijos, a cartilha orienta que “beijar muitos desconhecidos numa única noite não é tão bom assim”, pelo risco de doenças. Mas compara o beijo ao chocolate, por “aguçar todos os sentidos” e “liberar endorfinas”, com a vantagem de ainda “queimar calorias”, ao contrário do doce.O material faz parte do programa Saúde e Prevenção nas Escolas – Atitude para Curtir a Vida e aborda temas variados que vão dos efeitos colaterais do aumento de peso (espinha e preguiça) até homenagem ao cantor Cazuza, morto por Aids.A cartilha foi elaborada pelos ministérios da Saúde e da Educação ao longo de 2006 e testada com alunos do Distrito Federal. A primeira tiragem teve 40 mil exemplares e o governo pretende encomendar 400 mil cópias adicionais.Um item que pode instigar polêmica entre pais são as duas páginas dedicadas às “ficadas”. Em uma delas, há espaço para o aluno preencher os detalhes das mais espetaculares de sua vida -com o esclarecimento de que a “ficada” compreende várias coisas: beijar, namorar, sair e transar.Nas páginas sobre o uso da camisinha, o caderninho ensina a colocar o preservativo sob o título “O pirata de barba negra e de um olho só encontra o capuz emborrachado”.Entre os cinco motivos para usar camisinha há a “sedução”, além da “proteção”: “Colocar o preservativo pode ser uma excelente brincadeira a dois. Sexo não é só penetração. Seduza, beije, cheire, experimente!”.
Assinante lê mais aqui
CAMISINHA – O Ministério da Saúde anunciou ontem que pretende ampliar a distribuição de camisinhas para jovens nas escolas públicas após uma pesquisa constatar que 45% dos estudantes ouvidos tinham vida sexual ativa e que 30% não haviam usado preservativo na sua mais recente relação.O governo rejeita que exista uma estimulação sexual precoce com a medida e avalia, com base em pesquisa da Unesco, que é necessária uma política pública sobre o tema que não seja omissa. Hoje, o programa de DST/Aids tem como meta anual a distribuição de 100 milhões de camisinhas para a faixa etária de 13 a 24 anos.Ainda não há previsão de quando e como será feita a distribuição, mas pelo menos uma das formas será por meio de máquinas eletrônicas -já existe um concurso para o desenho do equipamento nas escolas técnicas federais. “Já existe uma decisão concreta de expansão”, disse ontem o ministro da Saúde, Agenor Alvares.
Assinante lê mais aqui

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.