Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Novo pode ter única mulher na disputa pelo governo do Rio

Juliana Benício disputará as prévias do partido

Por Lucas Vettorazzo Atualizado em 28 jul 2021, 19h28 - Publicado em 28 jul 2021, 15h30

Dos partidos que já anunciaram intenção de disputar a eleição para o governo do Estado do Rio no ano que vem, nenhum lançou ainda o nome de uma mulher para a corrida eleitoral.

O Partido Novo é o que até agora tem a maior chance de ter uma representante feminina na disputa de 2022. A engenheira Juliana Benício acaba incluir seu nome no diretório estadual do Novo como postulante à disputa ao cargo pela legenda. Juliana foi candidata a prefeitura de Niterói no ano passado, tendo ficado em quinto lugar no ranking de votação.

Ela, que é prima do ator Murilo Benício, irá disputar as prévias contra o deputado federal Paulo Ganime. Vai ser a primeira vez desde a criação do Novo que a disputa para um cargo eletivo nos estados será precedida de prévias, segundo um cacique da legenda contou à coluna. O partido ainda estuda como vai organizar essa disputa.

Juliana é um dos quadros do Novo que mais verbaliza seu apoio ao impeachment do presidente Jair Bolsonaro nas redes, em linha com a orientação expressada em julho pelo partido e também por um de seus fundadores, o empresário João Amoedo. Ela faz parte de um movimento que prega “nem Lula nem Bolsonaro” nas urnas no ano que vem.

O adversário da engenheira na corrida interna do partido ocupa espectro político diferente. Ganime é do grupo do Novo que ainda não se manifestou publicamente sobre a posição do partido em relação ao impeachment presidente.

Até o momento, os partidos só ventilaram nomes de homens para a disputa ao governo do Rio no ano que vem. O PSB anunciou que tentará a vaga com Marcelo Freixo. O PDT disputará com Rodrigo Neves, ex-prefeito de Niterói. O PSD, do prefeito do Rio, Eduardo Paes, pretende lançar o presidente da OAB, Felipe Santa Cruz, na disputa. O governador Cláudio Castro tentará a reeleição pelo PL.

 

 

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)