Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

União Brasil abandona ‘jogo de cartas marcadas’ do MDB e PSDB

Uma importante liderança do partido confirmou ao Radar que o partido saiu da mesa e agora atuará para lançar Bivar candidato com Moro de vice

Por Robson Bonin Atualizado em 27 abr 2022, 19h12 - Publicado em 27 abr 2022, 17h19

A reunião desta terça-feira, entre os caciques do MDB, do PSDB e do União Brasil, mexeu com as bases da aliança que vinha sendo construída entre as siglas. Pelos critérios apresentados na conversa, diz uma importante liderança do União Brasil, o nome escolhido no dia 18 de maio — data definida pelas siglas para o anúncio da candidatura — só poderia ser o de Simone Tebet. As regras tirariam João Doria da disputa pelo PSDB e reservariam ao União Brasil a vice.

Descontente com os termos lançados na mesa, o União Brasil decidiu desembarcar. “Era um jogo de cartas marcadas. Eles queriam, com esses critérios de candidatura, tirar o Doria do jogo e fazer a Simone a candidata. Para nós, do União Brasil, só existia a posição de vice. A gente só prestava para entrar com dinheiro e tempo de televisão. Se é para ser assim, então vamos sozinhos porque essa discussão de aliança nunca existiu”, disse ao Radar um importante cacique do União Brasil.

Na lógica do partido, se fosse para Luciano Bivar ser vice de alguém, poderia ser até de Ciro Gomes, hoje melhor posicionado nas pesquisas. A sigla, no entanto, quer ter projeto ao Planalto e agora vai debater internamente com a ala do antigo DEM para formalizar uma chapa tendo Bivar na cabeça, com Sergio Moro de vice.


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)