Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Radar TVeja: pânico com zika preocupa governo

Nem inflação nem impeachment. A maior preocupação dos brasileiros e a maior razão de mau humor com o governo é na área de saúde: o zika vírus. Pesquisas que chegaram ao Palácio do Planalto mostram pânico generalizado com o aumento de casos de microcefalia no país, associados ao vírus transmitido pelo aedes aegypti. O governo […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 23h40 - Publicado em 21 jan 2016, 20h00

http://videos.abril.com.br/veja/id/:%204e97de7156280e9f5848cc857e892490?

Nem inflação nem impeachment. A maior preocupação dos brasileiros e a maior razão de mau humor com o governo é na área de saúde: o zika vírus.

Pesquisas que chegaram ao Palácio do Planalto mostram pânico generalizado com o aumento de casos de microcefalia no país, associados ao vírus transmitido pelo aedes aegypti.

O governo quebra a cabeça para saber como explicar às pessoas o que é o zika e qual a melhor forma de evitar a explosão de casos.

A própria presidente Dilma Rousseff tem sido orientada a falar sobre o assunto, como fez nesta quinta.

Um agravante para a situação é a total falta de familiaridade do ministro da Saúde, Marcelo Castro, com o tema, e a quantidade de bobagens que ele tem dito a respeito.

Irritada com o febeapá do ministro, que chegou a dizer que era melhor que as mulheres pegassem zika antes da idade fértil, Dilma criou uma força-tarefa coordenada pela Casa Civil para tratar do assunto.

É o tipo de zica que acontece quando um ministro de uma pasta vital é nomeado para atender a um arranjo político.

Continua após a publicidade

Publicidade