Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

PTB aguarda se Roberto Jefferson disputará a uma vaga ao Senado pelo Rio

Se cacique não quiser ou não puder concorrer, dado que está atualmente preso, deputado Daniel Silveira ou pastor Otoni de Paula disputarão pelo partido

Por Lucas Vettorazzo Atualizado em 13 jan 2022, 17h01 - Publicado em 14 jan 2022, 16h30

Roberto Jefferson fez chegar a interlocutores que cogita disputar a vaga ao Senado pelo Rio nas eleições deste ano. Dirigentes do partido não sabem ainda se o cacique seguirá firme na ideia pelos próximos meses, dado que não é certeza nem que ele poderá se candidatar, já que está preso por ordem do ministro do Alexandre de Moraes no âmbito do inquérito que apura milícias digitais no STF.

Por uma questão de cortesia, o partido espera o patrão encarcerado mandar um sinal de que se decidiu antes de fazer movimentos públicos em direção a outros nomes ao Senado. Também preso por ordem de Moraes por ameaçar a democracia, o deputado Daniel Silveira está solto desde novembro e recebeu novamente o convite do PTB para concorrer à vaga.

Outro que recebeu um convite do PTB foi o deputado e pastor Otoni de Paula, atualmente no PSC, partido que pariu o governador posteriormente cassado Wilson Witzel e que está com seu antigo presidente, o Pastor Everaldo, preso desde agosto de 2020.

Publicidade