Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

‘Pode haver um aumento de salário brevemente’, diz Guedes

'Numa democracia, você faz as escolhas todo ano. Esse ano tem guerra? A gente paga a guerra e não tem aumento de salário', disse o ministro

Por Robson Bonin 20 jun 2022, 18h34

Paulo Guedes falou nesta segunda sobre a opção do governo de não conceder reajuste salarial a servidores da máquina neste ano. Para o ministro, os servidores, que têm “estabilidade de emprego e salários razoavelmente elevados”, deram uma contribuição ao país ao ficarem sem reajuste para “pagar a guerra” que foi a elevação de gastos da máquina com a pandemia, mas poderão ter o aumento “brevemente”.

“(Com os servidores) Em home office, com estabilidade de emprego, com salários razoavelmente elevados, porque durante 17 anos subiram 50% acima da inflação, nós demos uma contribuição. Numa democracia, você faz as escolhas todo ano. Esse ano tem guerra? A gente paga a guerra e não tem aumento de salário. O ano seguinte, acabou a guerra? Pode ter aumento de salário para todo mundo”, disse Guedes.

“Nós demos um choque digital, fizemos uma reforma administrativa informal. Os governos anteriores contrataram 160.000 pessoas liquidamente. Nós fizemos o contrário. Os servidores aposentaram e nós digitalizamos os serviços. Temos menos 50.000 pessoas no serviço federal, mas produzindo muito mais, porque todos os serviços são digitalizados. Então, agora pode haver um amento de salário brevemente”, seguiu o ministro.

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)