Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Os números do Nubank para ilustrar o impacto do Pix na economia brasileira

Serviço de pagamentos instantâneos do Banco Central começa a funcionar em novembro

Por Manoel Schlindwein Atualizado em 17 set 2020, 13h53 - Publicado em 17 set 2020, 12h32

Para se ter uma ideia do impacto que o Pix pode trazer ao bolso dos brasileiros – e quanto os bancos que ainda cobram pelas transferências poderão perder com a nova modalidade –, o Nubank tem alguns números na manga.

Só com a conta digital da empresa, que oferece TEDs gratuitas, a economia dos clientes foi de 8 bilhões de reais desde 2017, quando o serviço foi lançado. Em agosto, os clientes da fintech economizaram mais de 110 milhões de reais com as transferências sem custo.

Em sete anos, os clientes economizaram 11,5 bilhões de reais com os serviços gratuitos que o banco digital oferece. O cálculo feito pela empresa considera o custo médio praticado pelo mercado em anuidades, tarifas para abertura de conta, taxas de manutenção e transferências entre bancos. Hoje, o Nubank tem quase 30 milhões de clientes em todos os municípios do Brasil.

ASSINE VEJA

Covid-19 no Brasil: o pior já passou Leia nesta edição: Queda na curva de mortes mostra sinais de alívio na pandemia. E mais: por que o futuro político de Lula está nas mãos de Bolsonaro
Clique e Assine

O serviço de pagamentos instantâneos do Banco Central começa a funcionar em novembro. Ele permite transferências e pagamentos em transações gratuitas de menos de dez segundos para qualquer banco, a qualquer hora ou dia da semana.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês