Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Os literatos

Até agora, Carlos Ayres Britto, Luiz Fux e Cármen Lúcia citaram, em seus votos totalmente favoráveis à união homoafetiva, escritores, poetas, compositores e até um místico.  Pela ordem,  Guimaraes Rosa, Fernando Pessoa, Caetano Veloso e Chico Xavier. Dessa tirma, foram lidos trechos de seus romances, poemas e canções etc. Ricardo Lewandowski, o único que, no […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 12h05 - Publicado em 5 Maio 2011, 17h51

Até agora, Carlos Ayres Britto, Luiz Fux e Cármen Lúcia citaram, em seus votos totalmente favoráveis à união homoafetiva, escritores, poetas, compositores e até um místico.  Pela ordem,  Guimaraes Rosa, Fernando Pessoa, Caetano Veloso e Chico Xavier. Dessa tirma, foram lidos trechos de seus romances, poemas e canções etc.

Ricardo Lewandowski, o único que, no momento, apesar de favorável, impôs restrições, não citou ninguém. Embora não tenha dito abertamente, Lewandowski sinalizou ser contrário à possibilidade de estender à união de duas pessoas do mesmo sexo direitos exclusivos de uma relação entre homem e mulher, como o casamento e a fertilização in vitro.

Publicidade