Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

O livro que promete desvendar segredos ‘milenares’ sobre riqueza e sucesso

Bestseller lançado em 1926 que ensina conceitos básicos de finanças ganha nova edição que chega ao Brasil em fevereiro

Por Laísa Dall'Agnol 13 jan 2022, 18h30

Chega em fevereiro no Brasil a nova edição daquela que é considerada a ‘bíblia’ do século XX para o sucesso financeiro — O homem mais rico da Babilônia, clássico do americano George Samuel Clason, foi repaginado em versão ‘luxo’ pela editora Edipro.

Em tempos de fórmulas prontas e suspeitamente simples inundando a internet sobre como enriquecer, o livro se propõe a resgatar saberes milenares, utilizados pelos homens mais prósperos da Babilônia — entre eles, não desperdiçar recursos em tempos de bonança, manter a pontualidade do pagamento de dívidas e buscar recursos e informação em vez de apenas lucro.

O homem mais rico da Babilônia transporta os leitores de volta ao passado na intenção de demonstrar que princípios básicos de finanças regem o mundo dos negócios até hoje, como investir e poupar ao menos 10% de seus ganhos.

A nova edição da editora Edipro tem capas produzidas pelo ilustrador Carlos Giovanni, um dos finalistas do World Illustration Awards de 2021.

Continua após a publicidade

Publicidade