Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

O impacto da modernização da iluminação pública na transição energética

Parcerias Público Privadas em Uberlândia (MG) e Petrolina (PE) evitam emissão de 3,6 toneladas de CO2, o equivalente a 1,5 mil carros a gasolina

Por Redação
Atualizado em 11 dez 2023, 18h21 - Publicado em 11 dez 2023, 17h30

As emissões evitadas de gás carbônico na modernização da iluminação pública de Uberlândia (MG), com quase 700.000 habitantes, e Petrolina (PE), de mais de 350.000 moradores, foi de 3.620 toneladas. 

A título de comparação, o volume corresponde ao gasto de 1.500 veículos a gasolina e a nova iluminação também proporciona a redução do consumo de eletricidade. A energia poupada nos dois municípios poderia abastecer uma cidade com 42.000 residências, ou um município de cerca de 120.000 habitantes, considerando o consumo médio de energia do IBGE. 

A modernização da iluminação pública das duas cidades é fruto de parcerias público-privadas, gerida pela Engie. Em Petrolina, foram substituídas 35.000 lâmpadas e, em Uberlândia, mais de 80.000.  

“Os projetos de PPPs de Iluminação Pública são um bom exemplo de trabalho conjunto entre a iniciativa privada e o poder público no sentido de não só gerar eficiência energética e reduzir as despesas dos municípios, mas também de contribuir para a transição para uma economia de baixo carbono”, ressalta Jacques-Oliver Klots, diretor-presidente da Engie Soluções.

Continua após a publicidade

A empresa deve iniciar, em breve, um trabalho de modernização da iluminação pública na capital do Paraná. Em Curitiba, a expectativa da Engie é trocar 80.000 luminárias, com previsão contratual de 34% de economia. 

A Engie opera hoje 1 milhão de pontos de iluminação no mundo, dos quais cerca de 300.000 são no Brasil — 160.000 em Curitiba, 95.000 em Uberlândia e 44.000 em Petrolina (PE).

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.