Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Em vez de reclamar, estados devem planejar investimentos, diz Bento

Ministro de Minas e Energia defendeu resultado do megaleilão; momento é de gestores pensarem formas eficientes de investir os recursos que virão

Por Robson Bonin Atualizado em 6 nov 2019, 15h10 - Publicado em 6 nov 2019, 15h07

O ministro de Minas e Energia, Bento Albuquerque, disse ao Radar, há pouco, que os estados e municípios — decepcionados com o resultado da venda dos campos de petróleo do pré-sal — devem comemorar o resultado do leilão do pré-sal nesta quarta.

Apesar de a previsão de 106 bilhões de reais ter sido frustrada pela arrecadação de 69,9 bilhões de reais, com ajuda quase majoritária da Petrobras na bolada, o leilão da cessão onerosa, na avaliação do ministro, foi um sucesso por destravar uma agenda que era aguardada há anos.

Para Bento, o “feito histórico” do leilão foi abrir os cofres dos recursos do petróleo a estados e municípios que antes não participavam decisivamente dessa partilha.

Apesar de o valor não ter sido o esperado, “a verdade”, na avaliação do ministro, é que vai ter dinheiro entrando na conta das gestões de estados e municípios agora e ao longo do período em que a exploração for ganhando corpo.

“É preciso valorizar o avanço importante, o feito histórico que o leilão da cessão onerosa representa. O atraso vencido com essa rodada é muito importante. O dinheiro vai começar a sair. Em vez de reclamar, as pessoas deveriam começar a pensar em como gastar de forma eficiente os recursos que virão”, diz Bento.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês