Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Em busca de ‘bomba’ contra Flávio, CPI vai ouvir Witzel na sexta

Ex-governador promete revelar esquemas ilegais na saúde do RJ

Por Lucas Vettorazzo Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 5 jul 2021, 10h50 - Publicado em 5 jul 2021, 06h03

A CPI da Pandemia marcou para a próxima sexta-feira, 9, o depoimento sob sigilo do ex-governador do Rio, Wilson Witzel (PSC). 

Ainda não está claro como será a diligência, se Witzel irá até o Senado ou se a CPI mandará emissários para ouví-lo na capital fluminense, onde ele reside. 

Em 16 junho, em seu primeiro depoimento na CPI, Witzel disse que teria “uma bomba” para jogar no colo do governo de Jair Bolsonaro e também da família presidencial, principalmente no do senador Flávio Bolsonaro, seu antigo aliado e com quem hoje é rompido.

LEIA TAMBÉM: CPI desgasta a imagem de Bolsonaro na área da corrupção

Continua após a publicidade

Witzel levantou suspeitas, ainda que sem apresentar provas do que diz, de que grupos milicianos poderiam estar por trás da gestão na saúde do Rio. Alegando correr risco de vida e prometendo revelar a versão completa da história, o ex-juiz federal pediu para falar em uma sessão fechada da CPI e sob proteção policial.  

No seu primeiro depoimento, o ex-governador disse que o “fato gravíssimo” a ser revelado “envolve intervenção do governo federal em meu governo”. Assim que o político fez a declaração ao vivo, ele passou a ser imediatamente fustigado nas redes pela prole presidencial e sua máquina virtual.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.