Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Eleição no RS já começou

A operação Phatos, deflagrada hoje pela PF, deixou peemedebistas em polvorosa no Rio Grande do Sul. Os policiais realizaram 30 mandados de busca e apreensão em três estados, mas a suspeita principal recai sobre a prefeitura de Porto Alegre que poderia ter cometido irregularidades na contratação de uma entidade para prestar serviços à secretaria de […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 16h04 - Publicado em 20 jan 2010, 18h43

A operação Phatos, deflagrada hoje pela PF, deixou peemedebistas em polvorosa no Rio Grande do Sul. Os policiais realizaram 30 mandados de busca e apreensão em três estados, mas a suspeita principal recai sobre a prefeitura de Porto Alegre que poderia ter cometido irregularidades na contratação de uma entidade para prestar serviços à secretaria de saúde.

Enquanto ministro da Justiça, Tarso é o responsável pela PF. E os peemedebistas veem na ação o primeiro ato bruto da campanha deste ano ao governo, já que o petista tem como principal adversário na disputa o prefeito de Porto Alegre, José Fogaça.

Publicidade