Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Depois do desmonte, governo começa a reforçar o ICMBio na Amazônia

Órgão ambiental foi loteado por policiais militares simpáticos ao bolsonarismo

Por Robson Bonin 29 nov 2021, 09h08

O Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, ICMBio, vai contratar 122 analistas e técnicos ambientais, para trabalharem nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Maranhão, Pará e Rondônia.

Os salários passam de 8.000 reais. O edital foi publicado no Diário Oficial desta segunda.

O órgão, como se sabe, foi precarizado durante esse governo, virando núcleo de emprego para policiais militares ligados ao bolsonarismo.

Publicidade