Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Crise política abre apetite de líderes na Câmara

A crise política de 2015 abriu o apetite dos líderes partidários na Câmara. Os relatórios de prestações de contas das lideranças mostram gastos pesados em restaurantes. O líder do PT, Sibá Machado (AC), apresentou uma nota de 2.050 reais, em nome da empresa Prime BDN, responsável pelo buffet de uma reunião do PT em Brasília. O […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 23h42 - Publicado em 15 jan 2016, 16h50
Sibá: fome pantagruélica

Sibá: fome pantagruélica

A crise política de 2015 abriu o apetite dos líderes partidários na Câmara. Os relatórios de prestações de contas das lideranças mostram gastos pesados em restaurantes.

O líder do PT, Sibá Machado (AC), apresentou uma nota de 2.050 reais, em nome da empresa Prime BDN, responsável pelo buffet de uma reunião do PT em Brasília.

O evento, realizado no dia 29 de junho, contou com a presença de 54 deputados e 12 senadores.

Fora a reunião custosa, o deputado gastou em 7 de maio 3.609 reais no Bar do Alemão. Na descrição, nada além de “fornecimento de alimentação”.

Continua após a publicidade

O tucano Carlos Sampaio (SP), líder do partido na Casa no ano passado, gastou 1.104 reais no restaurante Coco Bambu, especializado em camarões, em novembro.

Em 20 de outubro, mais 1.980 reais no bistrô Toujours. Além de caro, o restaurante promete ser “um lugar para se estar SEMPRE… desde um almoço de negócios até um jantar romântico”, de acordo com a descrição em seu site. A liderança tucana concorda: há outra nota no Toujours na semana seguinte, em que foram gastos os mesmos 1.980 reais.

Nas três notas, a mesma descrição: “despesas com refeição”.

Já o líder do Solidariedade, o deputado Arthur Maia, gosta de um doce. Muitas de suas notas foram lançadas pela Confeitaria Sabor Glacê e pela Torteria Di Lorenza. Os valores variam entre 100 e 400 reais e totalizam 1.589,90 de agosto a novembro, sempre com a rubrica “lanche da tarde”.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.