Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Cade deve decidir sobre fusão entre Localiza e Unidas em dezembro

O turbulento processo mobiliza concorrentes e divide integrantes do conselho

Por Gustavo Maia Atualizado em 9 nov 2021, 12h18 - Publicado em 9 nov 2021, 14h30

A decisão do Cade sobre o turbulento processo de fusão entre Localiza e Unidas está prevista para o próximo dia 15 de dezembro, data da última sessão do Tribunal Administrativo do conselho em 2021.

A expectativa — e fora — do órgão de defesa econômica é que a relatora do caso, Lenisa Prado, recomende ou um “remédio” mais pesado que o já sugerido pela Secretaria-Geral do Cade ou até mesmo a reprovação do negócio.

Atual presidente da autarquia, Alexandre Cordeiro comandava o órgão que analisou o processo preliminarmente e conta com a oposição de Lenisa. Dos outros quatro conselheiros, um — Luis Henrique Bertolino Braido — já se   declarou suspeito e não vai participar da análise do caso.

 

Continua após a publicidade

Publicidade