Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar

Por Robson Bonin
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

Brasileiro está vendo mais TV aberta em 2016

Por Thiago Prado  O brasileiro está vendo mais TV aberta em 2016. Segundo os índices de audiência medidos pelo Painel Nacional de Televisão, que mede o consumo de programas em 15 regiões metropolitanas brasileiras, a soma dos índices das cinco maiores emissoras do país chegou a 46 pontos de média no Ibope do primeiro semestre. No […]

Por Da Redação Atualizado em 30 jul 2020, 22h20 - Publicado em 6 jul 2016, 14h06
Dez Mandamentos

Dez Mandamentos

Por Thiago Prado 

O brasileiro está vendo mais TV aberta em 2016. Segundo os índices de audiência medidos pelo Painel Nacional de Televisão, que mede o consumo de programas em 15 regiões metropolitanas brasileiras, a soma dos índices das cinco maiores emissoras do país chegou a 46 pontos de média no Ibope do primeiro semestre. No mesmo período do ano passado, Globo, Record, SBT, Band e Rede TV! alcançaram 42 pontos.

Embora a Globo ainda mantenha um confortável patamar de liderança (média de 16,4 pontos), a Record foi o canal que mais cresceu. De janeiro a junho, a emissora do bispo Edir Macedo saltou de uma média de 5,6 para 6,5 pontos de audiência. As novelas bíblicas – em especial, Os Dez Mandamentos – contribuíram muito para a subida.

A propósito, ontem a Record estreou mais uma saga religiosa com bons números. A Terra Prometida rendeu 17,2 pontos de média para a emissora contra 25,5 da Globo. No horário, o SBT, que costuma incomodar, ficou muito para trás (marcou 10,8 pontos).

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.