Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Por Robson Bonin Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Gustavo Maia, Laísa Dall'Agnol e Lucas Vettorazzo. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Abaixo o contrabando

Os contrabandos incluídos pela base aliada nas medidas provisórias estão na mira da oposição. ACM Neto protocola nesta tarde no Supremo Tribunal Federal um mandado de segurança para tentar impedir que o governo use a MP 521, originalmente editada para tratar da carreira dos médicos residentes e dos funcionários da Advocacia-Geral da União, para acelerar […]

Por Da Redação Atualizado em 31 jul 2020, 11h59 - Publicado em 16 Maio 2011, 17h01

Os contrabandos incluídos pela base aliada nas medidas provisórias estão na mira da oposição. ACM Neto protocola nesta tarde no Supremo Tribunal Federal um mandado de segurança para tentar impedir que o governo use a MP 521, originalmente editada para tratar da carreira dos médicos residentes e dos funcionários da Advocacia-Geral da União, para acelerar a licitação das obras da Copa de 2014 e das Olimpíadas de 2016.

Mas não se trata apenas de uma questão pontual. O DEM quer, na verdade, criar um precedente para evitar que os chamados jabutis venham a enfeitar outras MPs. Resta saber se o Supremo comprará essa briga com o Executivo e a maioria do Parlamento.

Publicidade