Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Radar

Por Gustavo Maia (interino) Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Notas exclusivas sobre política, negócios e entretenimento. Com Nicholas Shores e Ramiro Brites. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

A versão de Lula para o vídeo de Gonçalves Dias nos ataques golpistas

Presidente não sabia da existência das imagens, que teria sido negada a ele pelo ministro, agora demitido

Por Robson Bonin Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 19 abr 2023, 21h20 - Publicado em 19 abr 2023, 19h10

Com a demissão de Gonçalves Dias, auxiliares de Lula começaram a propagar a seguinte versão sobre a presença do auxiliar do presidente no Planalto no dia dos ataques bolsonaristas aos poderes da República.

Quando chegou ao palácio naquele 8 de janeiro, Lula pediu para ver as imagens da câmera que dava para a entrada de seu gabinete no terceiro andar do Planalto. Gonçalves Dias, naquele momento, disse que o equipamento, que registrara suas próprias movimentações no palácio, não havia registrado a ação dos golpistas.

Dias depois, o próprio chefe de gabinete da Presidência fez o mesmo pedido ao chefe do GSI. Ouviu do general, segundo auxiliares de Lula, a mesma informação: a câmera não havia registrado nada durante os ataques.

Foi essa “deslealdade” do ministro sobre o conteúdo das gravações que tornou a situação insustentável e resultou no pedido de demissão nesta quarta.

Mais cedo, na GloboNews, o general disse que havia compartilhado as imagens com diferentes órgãos de investigação que atuam na apuração dos fatos de 8 de janeiro. Por essa versão, o desconhecimento de Lula sobre o conteúdo da câmera é menos crível. Mas é essa a versão do governo.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.