Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Radar Econômico

Por Pedro Gil Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes e Felipe Erlich
Continua após publicidade

Usiminas: Acionistas querem indenização após CSN ganhar R$ 5 bi da Ternium

Minoritários querem fatia de indenização bilionária

Por Pedro Gil 20 jun 2024, 12h00

Acionistas minoritários da Usiminas estão atentos ao imbróglio envolvendo a empresa após uma decisão favorável do Superior Tribunal de Justiça: a Companhia Siderúrgica Nacional (CSN), de Benjamin Steinbruch, receberá 5 bilhões de reais a título de indenização da Ternium. Os minoritários entendem que também devem receber algum valor.

De um lado, a CSN pede indenização no valor de 5 bilhões de reais alegando que houve mudança no bloco de controle quando a Ternium adquiriu a fatia de 27,7% que pertencia aos grupos Votorantim e Camargo Côrrea. Para a CSN, essa mudança obrigaria a Ternium a fazer uma oferta pública de ações aos acionistas minoritários.

Ainda não está claro, entretanto, a via que eles irão pleitear isso, se pela Justiça comum ou pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). “A questão é que o direito reconhecido pelo STJ se estende aos demais minoritários da Usiminas à época da operação que gerou a obrigação da Ternium fazer a oferta prevista pelo artigo 254-A da Lei das S/A, não sendo um direito exclusivo da CSN, apesar de ter partido dela a iniciativa de judicializar a discussão”, diz Lucas Akel Filgueiras, advogado dos minoritários. “Assim, os demais acionistas podem (e devem) buscar o reconhecimento desse direito também a eles”.

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.