Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Radar Econômico Por Victor Irajá (interino) Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes e Felipe Erlich

Quanto pode cair a gasolina? O efeito da PEC nas distribuidoras

VEJA Mercado: UBS BB e BTG Pactual fazem avaliação do impacto em empresas como Vibra e Ultrapar

Por Diego Gimenes Atualizado em 7 jun 2022, 17h02 - Publicado em 7 jun 2022, 15h32

A PEC dos Combustíveis prometida pelo Ministério da Economia para baixar o preço dos combustíveis ainda precisa sair do papel, mas o mercado financeiro já precifica e coloca no papel todos os cenários possíveis. Para as distribuidoras do produto, como Vibra e Ultrapar, a redução nos impostos pode ser favorável para os analistas do UBS BB, mesmo que dure somente até o final de 2022. “Impostos mais simples e menores podem ser favoráveis ​​às distribuidoras de combustíveis. O setor enfrenta um ambiente desafiador com evasão fiscal significativa de empresas menores, o que reduz as margens em todo o Brasil. Essa proposta deixaria menos espaço para evasão fiscal sobre combustíveis, mesmo que temporariamente”, disseram em relatório publicado nesta terça-feira, 7.

Já os analistas do BTG Pactual alertam para uma queda acentuada nos estoques, já que, nas contas deles, o preço do litro da gasolina pode cair 17%, ou 1,14 reais, nas bombas do estado de São Paulo. “Acreditamos que os investidores podem temer que os distribuidores de combustível sofram um pouco, pois uma queda dramática de preço pode levar a perdas de estoque, embora seja um efeito pontual”, concluíram em relatório. Às 14h25, as ações da Vibra subiam 0,71%, enquanto os papéis da Ultrapar caíam 0,80%.

*Quer receber alerta da publicação das notas do Radar Econômico? Siga-nos pelo Twitter e acione o sininho.

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)