Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês
Radar Econômico Por Victor Irajá Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes e Felipe Erlich

Os ventos que sopram contra o e-commerce na reabertura da economia

VEJA Mercado: mercado financeiro não está muito otimista com as vendas on-line

Por Diego Gimenes Atualizado em 3 Maio 2022, 15h33 - Publicado em 3 Maio 2022, 15h29

Os casos de coronavírus diminuíram no Brasil, a economia reabriu e o uso obrigatório de máscaras caiu em grandes cidades, e um hábito adquirido durante a pandemia parece estar perdendo popularidade, pelo menos é o que dizem os analistas do Itaú BBA e do Credit Suisse sobre o comércio eletrônico. As instituições alertam que as três grandes varejistas listadas na bolsa (Magazine Luiza, Americanas e Via) podem não ter tido um primeiro trimestre dos melhores. “O segmento de e-commerce ainda está sendo afetado pela deterioração do cenário macro”, dizem os analistas do Itaú BBA.

A inflação disparou e os juros subiram, fatores que diminuem o poder de compra da população e desestimulam o consumo. “Categorias como eletroeletrônicos seguem com desempenho ruim diante das duras comparações”, dizem os especialistas do Credit. Há um ano, o contexto pandêmico era outro e o e-commerce ainda era dos poucos meios disponíveis para o varejo. “Devemos ver resultados no espaço de e-commerce ainda abaixo dos níveis ideais. De modo geral, não esperamos que os resultados sejam movimentadores de estoque para o comércio eletrônico neste trimestre”, concluem. Às 15h28, os papéis de Magalu e Via negociavam em quedas de 3,33% e 2,51%, nessa ordem.

*Quer receber alerta da publicação das notas do Radar Econômico? Siga-nos pelo Twitter e acione o sininho.

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)