Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Radar Econômico

Por Pedro Gil
Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes e Felipe Erlich
Continua após publicidade

Na China, os funcionários de Elon Musk ficaram confinados nas fábricas

Dono da Tesla agora exige que todos os funcionários pelo mundo voltem ao trabalho presencial

Por Felipe Erlich
10 jun 2022, 10h05

Começa a ficar claro porque o bilionário Elon Musk deu um ultimato para que seus funcionários voltem ao trabalho presencial de no mínimo 40 horas ou peçam demissão. No e-mail que enviou aos funcionários abolindo o trabalho remoto na empresa, ele escreveu:  “isso é menos do que exigimos de quem trabalha em nossas fábricas”. Parece que ele não mentiu. A Bloomberg revelou que os funcionários da Tesla em Xangai, na China, ficaram mais de um mês confinados nas fábricas por conta  do lockdown instituído na região. Eles foram autorizados a voltar para casa somente a partir desta sexta-feira, 10. Os funcionários ficaram alojados em dormitórios improvisados, em antigos campos militares e fábricas abandonadas perto das instalações da Tesla. Mas mesmo com a medida, houve uma redução de turnos que fez com que a quantidade de carros produzidos em maio fosse quase metade da média produzida pré-pandemia.

*Quer receber alerta da publicação das notas do Radar Econômico? Siga-nos pelo Twitter e acione o sininho.


Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.