Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Radar Econômico Por Josette Goulart Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

Decisões sobre juros em todo mundo podem implodir a bolsa. Entenda

VEJA Mercado: investidores estão atentos às reuniões do BC, do Fed e do Banco da Inglaterra nesta semana

Por Josette Goulart 2 Maio 2022, 09h00

VEJA Mercado | Abertura | 02 de maio

O mês de maio com começa com todas os olhos voltados para os juros. Juros no Brasil, juros nos Estados Unidos, juros no Reino Unido. Com a inflação tomando conta do mundo, os bancos centrais têm um caminho duro pela frente para segurar a alta dos preços. No Brasil, a expectativa é que o Copom, que fará reunião nesta terça e quarta-feira, aumente em um ponto percentual os juros para 12,75% ao ano. E o presidente do Banco Central, Roberto Campos Neto, já sinalizou que mais aumentos devem vir, pois se disse surpreso com a inflação. 

Mas quem decide mesmo o rumo do dinheiro no mundo são os juros americanos e na quarta-feira também é dia de sabermos o resultado da reunião de política monetária do Fed, o banco central americano. A expectativa do mercado é que o Fed aperte o movimento de alta. Com os juros explodindo, mais o dinheiro migra para os Estados Unidos e menos dinheiro sobra para países mais arriscados e também para investimentos de maior risco, como a bolsa. Isso pode significar duas coisas para o Brasil: dólar subindo e bolsa despencando. A bolsa brasileira já caiu em abril e as expectativas não são das melhores para maio. 

Na quinta-feira, também o Banco da Inglaterra decide sobre os juros do país. Mas para além dos juros, os investidores estarão atentos aos resultados das empresas que serão divulgados nesta semana, em especial da Petrobras e do Bradesco. 

*Quer receber alerta da publicação das notas do Radar Econômico? Siga-nos pelo Twitter e acione o sininho.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês