Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Radar Econômico Por Victor Irajá (interino) Análises e bastidores exclusivos sobre o mundo dos negócios e das finanças. Com Diego Gimenes.

A resposta da Azul para a queda de 40% nas ações durante a guerra

VEJA Mercado: companhia presta contas depois de questionamento da B3

Por Diego Gimenes 8 mar 2022, 15h42

Se por um lado as petrolíferas ganham dinheiro com a alta do petróleo por causa da guerra, tem gente de cabelo em pé diante dos consecutivos aumentos na commodity. É o caso da Azul. A companhia aérea viu suas ações derreterem mais de 40% depois do início dos conflitos, no último dia 24. Intimada pela B3 a prestar contas sobre esse movimento, a empresa disse que constatou “oscilações atípicas nas ações de outras companhias e acredita que o impacto tenha sido causado pelo cenário geopolítico incerto”. A culpa foi para a conta do petróleo. “As tensões aumentaram os preços das commodities, em especial o petróleo, que atingiu níveis históricos, fator que impacta as operações das companhias aéreas gerando percepção negativa e instável no mercado em geral”, finalizou. As ações da Gol, concorrente direta no mercado brasileiro, caíram 35% no período. Às 15h39 desta terça-feira 8, os papéis de Azul e Gol respiravam um pouco e subiam 8,9% e 8,5%, nessa ordem.

*Quer receber alerta da publicação das notas do Radar Econômico? Siga-nos pelo Twitter e acione o sininho.


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)