Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

O Som e a Fúria

Por Felipe Branco Cruz
Pop, rock, jazz, black music ou MPB: tudo o que for notícia no mundo da música está na mira deste blog, para o bem ou para o mal
Continua após publicidade

RS: item pessoal de Marília Mendonça é rifado para ajudar vítimas da chuva

Nas redes sociais, irmão da cantora divulgou o valor arrecadado até o momento e rebateu críticas sobre a iniciativa solidária

Por Amanda Capuano Atualizado em 9 Maio 2024, 15h01 - Publicado em 7 Maio 2024, 11h46

Um violão que foi de Marília Mendonça (1995-2021) está sendo rifado pela família da cantora para arrecadar fundos para as vítimas da enchente no Rio Grande do Sul. Em um vídeo publicado em seu perfil pessoal na manhã dessa terça-feira, 7, João Gustavo, irmão de Marília, informou que a iniciativa arrecadou, até o momento, 120 mil reais — valor que deve aumentar nos próximos dias, já que o vencedor sai apenas na segunda-feira, 13.

No perfil oficial da cantora, João explicou que os bilhetes podem ser adquiridos no link da rifa por 5 reais cada. O dinheiro arrecadado será 100% revertido para os afetados pela chuva. “Vamos mandar mantimentos daqui, caminhões com água, com cobertores, com agasalhos, com comida, com colchões. A gente vai estar fazendo bem pro próximo, e o valor que sobrar dessa rifa vamos destinar pra vaquinha do Matteus”, disse ele citando a iniciativa do vice-campeão da edição mais recente do BBB, que é gaúcho e também está coletando fundos para a região.

View this post on Instagram

A post shared by Marilia Mendonça (@mariliamendoncacantora)

Na legenda da publicação, a família disse que uma das marcas de Marília, morta aos 26 anos em um acidente aéreo em 2021, “sempre foi fazer parte das correntes do bem”, e que não seria diferente nesse momento. Mesmo assim, algumas pessoas criticaram a iniciativa nas redes sociais alegando que eles estão abrindo mão de um item que seria uma lembrança de Leo, o filho da cantora. “Não é a única recordação que ele terá. O meu sobrinho irá crescer sabendo que ajudar as pessoas é muito mais importante do que se apegar em bens materiais. Se eu ensinasse algo diferente disso para ele estaria sendo um péssimo tio!”, escreveu João no X.

O Rio Grande do Sul tem 388 dos seus 497 municípios com algum relato de problema relacionado às chuvas, com 1,3 milhão pessoas afetadas e mais de 200.000 desabrigados. Segundo o balanço divulgado nesta manhã pela Defesa Civil do estado, 90 pessoas morreram nos temporais, 132 seguem desaparecidas e há 361 feridos — e mais tempestades intensas devem atingir o sul do estado em breve.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.