Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
O Som e a Fúria Por Felipe Branco Cruz Pop, rock, jazz, black music ou MPB: tudo o que for notícia no mundo da música está na mira deste blog, para o bem ou para o mal

O que Luísa Sonza ganha ao se tornar ‘cônsul cultural’ do Inter

Torcedora do Colorado, a cantora foi convidada pelo clube gaúcho para integrar um grupo que já consta com nomes como Rita Lee e Bárbara Paz

Por Kelly Miyashiro 25 Maio 2022, 16h43

A cantora gaúcha Luísa Sonza se junta a nomes como Bárbara Paz, Júlia Lemmertz, Rita Lee e Patrícia Poeta na lista de “cônsules culturais” do Sport Club Internacional. Dona de músicas dançantes e coreografias que envolvem bastante rebolado, ela foi convidada pelo time de futebol a ser uma espécie de embaixadora do clube. A honraria foi divulgada pela cantora pelas redes sociais na terça-feira, 24, e significa que ela deve “levar o nome do Colorado com zelo e dedicação para todos os locais onde sua arte se fizer presente”.

“Me convidem para ir ao estádio num jogo, principalmente Gre-Nal (clássico gaúcho entre Grêmio e Internacional)!”, brincou Luísa no Instagram. A funkeira mostrou ter ganhado uma camisa oficial nova e uma carta repleta de referências a suas músicas, como Sentadona, Boa Menina, VIP e Devagarinho.

O projeto de Cônsules Culturais foi criado pelo Inter com o objetivo de homenagear torcedores, sócios e colaboradores que tenham destaque na cultura de forma geral. Para ser elegível ao título, o artista precisa ser ator, cantor, apresentador de TV, produtor e compositor musical ou relacionado à cultura de alguma forma. O homenageado não pode ocupar cargo de conselheiro no time ou político no país, nem ter como atividade principal uma profissão ligada ao esporte do Rio Grande do Sul. Em seu site, o time explica que o nomeado é aprovado pela diretoria após uma indicação avaliada pela vice-presidência que analisa se o candidato cumpre os requisitos.

Para o seleto grupo de homenageados, entretanto, o título serve apenas como uma honraria simbólica, já que a carteira de cônsul cultural não assegura ingressos nos jogos, apenas um certificado e seu nome na lista publicada no site oficial do clube gaúcho — o nome de Sonza ainda não consta na relação. Após a indicação, a vice-presidência de relacionamento social averígua se o candidato preenche os requisitos para, depois, fornecer uma carteirinha cônsul cultural em uma solenidade de nomeação.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)