Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

O Som e a Fúria

Por Felipe Branco Cruz
Pop, rock, jazz, black music ou MPB: tudo o que for notícia no mundo da música está na mira deste blog, para o bem ou para o mal
Continua após publicidade

Filho de Elis vai lançar livro sobre o histórico show “Falso Brilhante”

João Marcello Bôscoli trabalha também no processo de restauração de uma gravação ao vivo de uma das apresentações daquela temporada

Por Da Redação 16 Maio 2024, 10h53

Responsável pela gestão do legado artístico de Elis Regina, o filho mais velho da cantora, que é o produtor musical João Marcello Bôscoli, está em tratativas aceleradas para fechar um grande calendário com uma série de eventos e homenagens à cantora, que completaria 80 anos em 2025. Um dos principais itens dessa agenda será uma exposição dedicada à artista no Museu da Imagem do Som (MIS), em São Paulo, prevista para março do ano que vem. A mostra deve rodar o país depois da temporada paulista.

A exposição do MIS será também palco para outro lançamento importante relacionado à memória de Elis. Trata-se do livro que João Marcello Bôscoli começou a escrever a respeito da histórica temporada do show “Falso Brilhante”, cuja data de estreia vai completar 50 anos em 2025. A editora Belas Letras, especializada em obras de acabamento caprichado sobre grandes artistas, será responsável pelo novo título. O espetáculo que marcou para sempre a carreira de Elis, tendo no repertório “Como Nossos Pais” e outros sucessos, ficou em cartaz no Teatro Bandeirantes de dezembro de 1975 a fevereiro de 1977 em São Paulo, contabilizando 257 apresentações e público de aproximadamente 280 000 pessoas.

João Marcello completou 6 anos de idade durante a temporada e testemunhou ensaios e apresentações do “Falso Brilhante”. No livro, ele vai contar essas memórias e recuperar as lembranças de músicos e profissionais responsáveis pela produção. O show deu origem ao disco homônimo, lançado em 1976 e que se tornou um dos álbuns mais populares de Elis. O registro do repertório foi feito na época em estúdio, mas agora está previsto o lançamento de um disco com a gravação de um show daquela temporada. Esse arquivo estava perdido no acervo da TV Bandeirantes e João Marcello vai comandar o processo de restauração e tratamento do áudio. Assim, “Falso Brilhante Ao Vivo” irá se tornar outro grande item do calendário de homenagens dos 80 anos de Elis Regina.

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.