Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

O Som e a Fúria

Por Felipe Branco Cruz
Pop, rock, jazz, black music ou MPB: tudo o que for notícia no mundo da música está na mira deste blog, para o bem ou para o mal
Continua após publicidade

Como os Rolling Stones fizeram seu 1º show há 60 anos – quase por acaso

O grupo foi convidado para substituir a Blues Incorporated no Marquee Club, de Londres, e precisou pedir dinheiro emprestado para alugar os equipamentos

Por Felipe Branco Cruz Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO 12 jul 2022, 11h48

O primeiro show dos Rolling Stones aconteceu quase por acaso, há 60 anos, no tradicional Marquee Club, na Oxford Street, em Londres. Alguns dias antes daquela quinta-feira, 12 de julho de 1962, o guitarrista Alexis Korner, da Blues Incorporated, foi convidado a participar do programa de rádio Jazz Club, na BBC Radio. O problema é que sua banda se apresentava todas as quintas no Marquee e o dono do lugar, Harold Pendleton, não gostou nada de saber que perderia uma de suas atrações naquele dia.

Para resolver o problema, Korner pediu ajuda para uns jovens músicos que viviam por ali em busca de oportunidades. Quem deveria preencher a vaga eram ninguém menos que Mick Jagger, Brian Jones, Keith Richards, Ian Stewart e Dick Taylor. Na bateria, ninguém sabe precisar quem realmente se apresentou, se foi Tony Chapman ou Mick Avory. Charlie Watts só entraria oficialmente para a banda alguns meses depois. O fato é que essa foi a primeira apresentação sob o nome Rolling Stones. Na época, a revista Jazz News publicou a primeira entrevista de Jagger, em que ele expressou uma preocupação peculiar: “Só espero que eles não pensem que somos um banda de rock and roll.”

Há dez anos, quando o show completou 50 anos, Mick Jagger deu uma entrevista à revista americana Rolling Stone relembrando a efeméride. “Ainda é o mesmo nome, mas apenas Keith e eu continuamos na banda. Tentei descobrir quando o foi o primeiro show de Charlie, e nenhum de nós realmente se lembra, ninguém sabe”, contou.

Continua após a publicidade

Para fazer aquele show, os Stones pegaram dinheiro emprestado com o pai de Jagger para alugar equipamentos. Em sua biografia, Vida, Keith Richards se lembrou de ter tocado clássicos do blues, como Dust My Broom, Confessin’ The Blues e Got My Mojo Working. O marco é ainda mais surpreendente se levarmos em consideração que a banda continua na ativa e fazendo shows. Em junho, o grupo deu início à parte europeia da turnê Sixty, que celebra seus 60 anos. Infelizmente, sem Charlie Watts, que morreu em 2021.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.