Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Matheus Leitão Blog de notícias exclusivas e opinião nas áreas de política, direitos humanos e meio ambiente. Jornalista desde 2000, Matheus Leitão é vencedor de prêmios como Esso e Vladimir Herzog

Por essa Deltan Dallagnol jamais poderia imaginar

Ou… a reviravolta nas vidas dele e de Lula

Por Matheus Leitão Atualizado em 24 mar 2022, 09h09 - Publicado em 23 mar 2022, 12h53

Quando estampou a capa de jornais no país inteiro, em setembro de 2016, afirmando que Lula era o comandante máximo do esquema investigado na Lava Jato, Deltan Dallagnol jamais poderia imaginar a reviravolta que aconteceria em sua vida profissional alguns anos depois.

Um lapso de tempo de 5 anos e meio separam o procurador da República Deltan Dallagnol – que ganhou fama por coordenar a operação que levou à prisão de Lula – do agora ex-procurador condenado a indenizar o ex-presidente por danos morais no valor de R$ 75 mil pela apresentação de um Power Point que ligava o petista a diversos esquemas de corrupção.

Naquele dia em que o Power Point foi apresentado, já era possível perceber que Deltan perdeu a mão. Em vez de se limitar a falar das investigações, o então Procurador quis “desenhar” o esquema montado pela Lava Jato. Passou do limite e hoje a conta chegou.

Agora, numa virada de jogo histórica, Lula refaz o Power Point que manchava sua imagem e, em vez de acusações, expõe as condenações que foram suspensas ou anuladas, a liderança nas pesquisas de intenção de voto para a Presidência da República e a liberdade para manter sua trajetória política.

Do outro lado, Deltan saiu do Ministério Público pela porta dos fundos, entrou para a política e vê seu candidato à Presidência, Sergio Moro (Podemos), patinar nas pesquisas. Com o apoio que ainda tem, é bem provável que Deltan se torne deputado federal pelo Paraná se, de fato, ele for candidato, mas a reviravolta da história é totalmente favorável a Lula e contrária a ele.

Naquele dia 14 de setembro de 2016, Deltan achou que estava vivendo um momento histórico. Agora, vemos que ele estava, na verdade, começando o pior capítulo da sua vida profissional.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)