Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Matheus Leitão

Blog de notícias exclusivas e opinião nas áreas de política, direitos humanos e meio ambiente. Jornalista desde 2000, Matheus Leitão é vencedor de prêmios como Esso e Vladimir Herzog
Continua após publicidade

O forte mal-estar gerado por Lula e Boulos no TSE

Entenda

Por Matheus Leitão Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 9 Maio 2024, 15h15 - Publicado em 2 Maio 2024, 09h37

O pedido de votos a Guilherme Boulos, feito pelo presidente Lula no ato do Dia do Trabalhador em São Paulo, gerou forte mal-estar no Tribunal Superior Eleitoral.

Segundo a coluna apurou, a avaliação entre ministros da corte é a de que o mandatário petista errou na mão, abrindo sim a possibilidade de uma discussão sobre eventual infração eleitoral.

No caso, a propaganda antecipada.

Vejam, leitores, o que o presidente disse: “Eu vou fazer um apelo: cada pessoa que votou no Lula em 1989, em 1994, em 1998, em 2006, em 2010, em 2018, em 2022, tem que votar no Boulos para prefeito de São Paulo”.

A fala em favor do pré-candidato Boulos, que tentar liderar o projeto da esquerda em busca da prefeitura de São Paulo, levou os concorrentes do psolistas a imediatamente judicializarem o caso.

Continua após a publicidade

O prefeito Ricardo Nunes, principal concorrente, se disse “perplexo”. Junto com os outros nomes da disputa, fizeram pedidos à justiça e ao ministério público.

Mais importante e cobiçada capital do país, São Paulo é o terreno fértil para a nacionalização de uma eleição municipal.

O resultado do pleito na prefeitura paulista é sempre analisada com lupa por políticos, mirando a eleição federal seguinte – no caso, a que acontecerá. em 2026.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.