Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Matheus Leitão

Blog de notícias exclusivas e opinião nas áreas de política, direitos humanos e meio ambiente. Jornalista desde 2000, Matheus Leitão é vencedor de prêmios como Esso e Vladimir Herzog
Continua após publicidade

O bolsonarista mais importante que critica Bolsonaro e elogia o STF

Entenda

Por Matheus Leitão Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO 6 dez 2022, 10h18

O governador eleito de São Paulo, Tarcísio de Freitas, resolveu descolar de vez do extremismo de direita e da forma radical de governar de Jair Bolsonaro. Em entrevista à CNN, disse que “nunca foi bolsonarista raiz”, que o presidente da República errou em “tencionar os poderes”, que é liberal e cristão, mas que “não vai entrar em guerra ideológica e cultural”.

“Eu nunca fui bolsonarista raiz. Comungo das ideias econômicas principalmente desse governo Bolsonaro. A valorização da livre iniciativa, os estímulos ao empreendedorismo, a busca do capital privado, a visão liberal. Sou cristão, contra aborto, contra liberação de drogas, mas não vou entrar em guerra ideológica e cultural”, garantiu.

A melhor parte da entrevista, contudo, foi quando elogiou o ministro Luís Roberto Barroso, um dos principais alvos do bolsonarismo radical, e criticou as milhares de crises institucionais criadas por Bolsonaro nos últimos quatro anos.

“Teve um jantar com ministros do STF, STJ, TSE, TCU. Na divisão das mesas, me botaram ao lado do ministro Barroso. Queriam que eu me levantasse e saísse? Sou governador eleito de São Paulo. Não vou fazer o que erramos no governo federal de tensionar com Poderes. Vamos conversar com ministros do STF. E Barroso é um ministro preparadíssimo, razoável. Sempre que eu, na condição de ministro [da Infraestrutura], precisei dele, ele ajudou o ministério. Sempre votou a favor das nossas demandas. Mas os caras me esculhambaram”.

Continua após a publicidade

Cadê aquele discurso de “Supremo é o povo”?

Basicamente, se alguém resolveu se descolar de Bolsonaro – e fez isso publicamente – chama-se Tarcisio de Freitas. Ele que chefiou o DNIT no governo Dilma – e colou em Bolsonaro como ministro para ser eleito governador de São Paulo em sua primeira campanha – já não “comunga” com o ideário golpista radical, 37 dias após a derrota de Bolsonaro.

Vejam só o que ele o governador eleito de São Paulo disse, reclamando com toda razão:

Continua após a publicidade

“O Brasil está muito tenso e dividido. Precisa pacificar. Outro dia morreu o (ex-governador) Fleury. Eu coloco lá uma mensagem nas redes sociais para confortar a família. Trata-se de um ex-governador do estado que eu vou governar. E recebo críticas”.

Tarcísio de Freitas falava dos seguidores radicais da extrema-direita – os bolsonaristas raiz – que infernizam há quatro anos o país ou todos aqueles que pensam de forma contrária, contaminando a política brasileira.

O ex-ministro de Bolsonaro está fora dessa. Como disse à coluna um grande sabedor da política brasileira – que acompanha o  dia a dia dela há mais de quatro décadas – “a derrota é ingrata”.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.