Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Matheus Leitão Blog de notícias exclusivas e opinião nas áreas de política, direitos humanos e meio ambiente. Jornalista desde 2000, Matheus Leitão é vencedor de prêmios como Esso e Vladimir Herzog

A região que mais exige certificados ambientais no Brasil

Pesquisa CNI/FSB descobriu quais regiões mais respeitam a disseminação de boas práticas na cadeia produtiva

Por Matheus Leitão 29 out 2021, 09h26

Exigir das empresas a adoção de ações sustentáveis ajuda a disseminar boas práticas na cadeia produtiva. Neste quesito, o Nordeste está à frente. Pesquisa realizada pela CNI com o Instituto FSB revela que essa é a região onde as médias e grandes indústrias mais exigem o cumprimento de algum certificado ou ação ambientalmente sustentável na contratação de fornecedor e/ou parceiro. Esse corte foi enviado para a coluna com exclusividade.

Praticamente quatro em cada dez (38%) empresas tem esse tipo de atitude na hora de escolher com quem se relacionar comercialmente. Com o segundo melhor índice, aparece o Sudeste com 35%. Na sequência o Norte e Centro-Oeste, com 31% e, por último, o Sul, com 27%.

Quando a pergunta é invertida e as empresas respondem se, como fornecedor, algum cliente já exigiu algum certificado ou ação ambientalmente sustentável delas como critério para contratação, a posição das regiões se altera. O Sudeste assume a primeira colocação com 57%, seguido do Sul, com 53%. O Nordeste aparece na terceira colocação com 46% e, por último, o Norte/Centro-Oeste (36%)

O dado negativo é que 38% das empresas entrevistadas não exigem certificações ambientais de fornecedores e também não são exigidas por parte dos clientes. Os números são da CNI por meio do Instituto FSB Pesquisa. Foram entrevistados executivos de 500 empresas industriais de médio e grande portes de todos os estados brasileiros entre 13 e 22 de outubro de 2021.

Continua após a publicidade

Publicidade