Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Matheus Leitão

Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Blog de notícias exclusivas e opinião nas áreas de política, direitos humanos e meio ambiente. Jornalista desde 2000, Matheus Leitão é vencedor de prêmios como Esso e Vladimir Herzog
Continua após publicidade

A grande derrota do governo Lula na reforma tributária

Ou… A nova derrota da esquerda no Congresso

Por Matheus Leitão Materia seguir SEGUIR Materia seguir SEGUINDO Atualizado em 10 jul 2024, 12h59 - Publicado em 10 jul 2024, 12h35

O governo Lula está prestes a sofrer um novo revés no Congresso Nacional, mais uma vez impulsionado pela maioria conservadora e pelo Partido Liberal de Jair Bolsonaro.

Alternando momentos do início do mandato para cá, em que a base esquerdista ganha ou é amassada no Parlamento — a depender da vontade de Arthur Lira —, esta quarta-feira, 10, promete render mais uma derrota ao governo Lula.

É que foi aprovada a urgência da reforma tributária, que será votada hoje. E, apesar de o projeto como um todo ser uma vitória do Brasil e de Lula, ele tem um defeito que ajuda uma importante bandeira do bolsonarismo.

Isso acontece porque a indústria das armas conseguiu uma tributação-padrão para compra de todo tipo de armamentos.

Continua após a publicidade

Se olharmos como funcionava antes da reforma — ou seja, hoje — os armamentistas pagam mais. Bem mais. Existe uma sobretaxa sobre armas compradas.

Mas o PL de Bolsonaro tirou a sobretaxa da proposta da reforma tributária que incidiria sobre essas mesmas armas.

Há uma pequena esperança dentro do governo Lula de tentar voltar com essa taxação durante a votação desta quarta. Mas a maioria mesmo nem acredita nisso, segundo apurou a coluna.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.