Assine VEJA por R$2,00/semana
Imagem Blog

Maquiavel

Por José Benedito da Silva
A política e seus bastidores. Com Laísa Dall'Agnol, Victoria Bechara, Bruno Caniato, Valmar Hupsel Filho, Isabella Alonso Panho e Adriana Ferraz. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.
Continua após publicidade

PF cumpre 105 mandados de prisão contra facções em três estados

Ao todo, 450 policiais participam de operação em Minas, Rio de Janeiro e Espírito Santo para prender líderes de organizações criminosas

Por Da Redação 16 Maio 2024, 13h38

A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira, 16, duas operações conjuntas contra integrantes de facções criminosas que atuam no tráfico de drogas em ao menos três estados. Estão sendo cumpridos 105 mandados de prisão preventiva e 96 de busca e apreensão nas cidades Juiz de Fora (MG), Além Paraíba (MG), Volta Grande (MG), Contagem (MG), Itaperuna (RJ), Carmo (RJ) e Sapucaia (RJ). Também foram cumpridos mandados de prisão nas unidades prisionais de Minas Gerais, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

Mais de 450 policiais, integrantes das polícias Civil, Federal, Militar e Penal, participam das operações, que foram batizadas de Peloponeso I e II, e são comandadas pela Força Integrada de Combate ao Crime Organizado de Minas Gerais (FICCO/MG).

No Rio de Janeiro, os policiais executaram a ordem de sequestro judicial de dois imóveis avaliados em 1,5 milhão de reais, além de um veículo blindado. Também foi cumprido o bloqueio judicial de valores de 23 investigados na operação, entre eles integrantes de facções criminosas com atuação criminosa no estado do Rio de Janeiro, segundo a PF.

Em Minas, um dos alvos da investigação, conforme a Polícia Federal, é o líder de uma “filial” mineira de uma facção criminosa do Rio de Janeiro – a corporação não informou qual. Entre os alvos dos mandados de prisão também está um foragido das Justiças do Mato Grosso e do Tocantins, além de pessoas já condenadas pelos crimes de tráfico de drogas e organização criminosa, que teriam função de lideranças regionais das facções, segundo os investigadores.

Continua após a publicidade

Mato Grosso do Sul

Na quarta-feira, 15, a Polícia federal cumpriu mandatos de busca e apreensão em condomínios de luxo e casas de alto padrão no Mato Grosso do Sul. O objetivo era desbaratar uma quadrilha supostamente especializada no tráfico internacional de drogas e armas no estado, com ramificações em outras unidades da federação.

Mato Grosso do Sul possui extensa fronteira terrestre com a Bolívia e o Paraguai, países apontados por investigadores como produtores e exportadores de drogas como cocaína e maconha.

As operações foram batizadas de Sordidum e a Prime, ambas com o objetivo de combater organizações criminosas com atuação no tráfico internacional de drogas e armas no Mato Grosso do Sul e outros estados.

Continua após a publicidade

Os mandatos de busca e apreensão foram cumpridos nas cidades de: Campo Grande, Dourados, Ponta Porã, Caarapó e Bonito. Foram apreendidos maços de dinheiro e bens de alvo valor como carros de luxo, jóias e relógios, além de armas branca e de fogo e munições.

 

 

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.