Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Maquiavel Por Coluna A política e seus bastidores. Informações sobre Planalto, Congresso, Justiça e escândalos de corrupção. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Governo federal estende até junho uso da Força Nacional no Amazonas

Prorrogação em 180 dias busca continuar dando apoio ao combate ao crime organizado, ao narcotráfico e a crimes ambientais

Por Caíque Alencar Atualizado em 3 dez 2021, 08h39 - Publicado em 3 dez 2021, 08h21

O Ministério da Justiça e Segurança Pública prorrogou o uso da Força Nacional de Segurança Pública em 180 dias no Amazonas. A extensão do prazo foi publicada nesta sexta-feira, 3, no Diário Oficial da União, para continuar dando apoio à Operação Arpão I em ações de combate ao crime organizado, ao narcotráfico e aos crimes ambientais nos rios Negro e Solimões, passando a valer agora até junho de 2022.

Segundo a portaria, assinada pelo ministro Anderson Torres, o aumento do prazo também tem como objetivo a “preservação da ordem pública e da incolumidade das pessoas e do patrimônio” – o Amazonas recebe o apoio da Força Nacional desde janeiro deste ano. Em junho, a pasta também enviou reforço após o estado enfrentar uma onda de violência em Manaus. Entre os episódios de ataques estiveram o incêndio a ônibus e a depredação de agências bancárias e prédios públicos.

Os rios Negro e Solimões estão entre as principais rotas para o tráfico de drogas, garimpo ilegal e transporte de madeira irregular. Ainda de acordo com a portaria do Ministério da Justiça, o prazo do apoio prestado pela Força Nacional pode voltar a ser prorrogado.

Publicidade