Clique e Assine a partir de R$ 9,90/mês
Maquiavel Por José Benedito da Silva A política e seus bastidores. Com João Pedroso de Campos, Reynaldo Turollo Jr., Tulio Kruse, Diogo Magri, Victoria Bechara e Sérgio Quintella. Este conteúdo é exclusivo para assinantes.

Caetano e outros artistas se reúnem com ministros do STF

Grupo está em Brasília para protesto contra a aprovação de série de projetos ligados a agricultura e meio ambiente

Por Da Redação Atualizado em 9 mar 2022, 16h09 - Publicado em 9 mar 2022, 15h34

Um grupo de artistas liderados por Caetano Veloso, que fará um ato pelo meio ambiente em frente ao Congresso nesta tarde, entregou um manifesto aos ministros do Supremo Tribunal Federal nesta quarta-feira, 9. “Amamos o Brasil e temos que cuidar do nosso povo, que está sendo muito castigado”, disse o cantor Seu Jorge durante a reunião com os ministros Cármen Lúcia, Ricardo Lewandowski, Alexandre de Moraes e Luís Roberto Barroso. A empresária Paula Lavigne aproveitou a ocasião para parabenizar Moraes pelo trabalho de combate às fake news e disse que a classe artística é alvo desse tipo de prática. Ao final, houve sessão de fotos na Corte.

Os artistas estão em Brasília para pressionar o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG). O movimento é contrário à aprovação de projetos de lei, a maioria deles já apreciada pela Câmara e agora em análise no Senado, que tratam de licenciamento ambiental, grilagem, agrotóxicos e questões indígenas – como o marco temporal para a demarcação de terras e a liberação do garimpo nessas áreas. Os artistas e movimentos sociais pedem que o Congresso só aprove projetos que estiverem em conformidade com a ciência, após amplo diálogo com a sociedade e levando em consideração a emergência climática.

“Diante de tão graves ameaças ao meio ambiente, eu acho que está na hora de a gente se manifestar na rua, botar a cara na rua”, afirmou Caetano num vídeo promocional do evento.

“O presidente da Câmara (Arthur Lira, do PP-AL) tem dado mostras de fazer passar toda a desastrosa permissividade que o atual governo propõe. O mundo vendo as proximidades de pesadelos bélicos e o Legislativo brasileiro apressando projetos que desrespeitam todo o cuidado que devemos ao tema ambiental. Esperamos que Pacheco seja mais sensato, educado e capaz de entender onde mora nossa dignidade como nação”, publicou o cantor.

Também devem participar do ato os cantores Criolo, Emicida, Bela Gil, Maria Gadú, Nando Reis e Baco Exu do Blues, a banda Natiruts e atrizes e atores como Malu Mader, Alessandra Negrini, Lázaro Ramos, Letícia Sabatella, Bruno Gagliasso, Christiane Torloni, entre outros artistas. Participaram da organização do evento vários grupos e movimentos da sociedade civil, como o Observatório do Clima, que reúne organizações ambientalistas. A pressão sobre Pacheco será pesada.

Continua após a publicidade

Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo de VEJA. Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app (celular/tablet).

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.



a partir de R$ 39,90/mês

MELHOR
OFERTA

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet. Edições de Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)