Clique e Assine a partir de R$ 19,90/mês
Letra de Médico Por Cilene Pereira Orientações médicas e textos de saúde assinados por profissionais de primeira linha do Brasil

Os efeitos da pandemia nos próximos anos

As sequelas dessa tragédia que se abateu sobre a Humanidade ainda serão relatadas durante muito tempo

Por Roberto Kalil 28 mar 2022, 16h32

A Veja trouxe em edição recente uma ampla matéria sobre a esperança de que teremos, em breve, superado a pandemia. A vacinação está vencendo a Covid-19. É fato. Mas, para além da sensação de segurança que essa vitória sobre o vírus nos trará, precisamos nos preparar para o chamado pós-pandemia e seus efeitos. A medicina continuará numa inquietante encruzilhada. A saúde pública permanecerá repleta de desafios.

Dois anos se passaram desde que a pandemia eclodiu e tornou-se uma preocupação global e imediata. Até hoje nos surpreendemos com a resistência e adaptabilidade do coronavírus e suas variantes. Médicos e outros profissionais da saúde que estiveram na linha de frente observaram uma série de peculiaridades diversas sobre a Covid-19.

A doença inspira cuidados com problemas que vão desde os efeitos sobre o pulmão e coração até distúrbios neurológicos. As sequelas dessa tragédia que se abateu sobre a Humanidade ainda serão relatadas durante muito tempo.

No Brasil, o quadro inspira enorme prudência. Não há elementos para alardear que a batalha contra a Covid está próxima de ser vencida. Ao contrário, ela está só começando.

Temos cerca de 28,5 milhões de casos registrados (13,4% da população), hospitalizados uma ou mais vezes em decorrência do contágio, e boa parte dessas pessoas conviverá com a chamada “síndrome do pós-covid”, tão preocupante quanto a própria doença. São pacientes sujeitos a sintomas que vão da fadiga à depressão; da falta de ar, perda de olfato e paladar, até tonturas e dificuldade de raciocínio, impactos neurológicos e cardíacos que podem resultar em AVC e infarto. O organismo é duramente afetado pela infecção, sendo indispensável o acompanhamento médico dessas sequelas para a sua plena recuperação.

A Covid exacerba os efeitos de quem já possui comorbidades, como diabetes e insuficiência renal. Ou seja, ela potencializa os problemas que já existem entre boa parte da população. Dessa forma, o pós-covid exigirá cuidados em várias frentes e vai impactar o SUS de forma alarmante, pressionando ainda mais a saúde pública com a busca por leitos e atendimento nos hospitais. Isso sem contar a demanda reprimida que já bate à porta: muitos tratamentos foram interrompidos e devem urgentemente serem retomados. Com tudo isso, podemos afirmar que – graças à vacinação, distanciamento social e protocolos sanitários – estamos prestes a cruzar uma fronteira. Mas o caminho que resultará na plena superação da Covid na saúde pública ainda é longo.

Blog Letra de Médico - Roberto Kalil
Juan Guerra/Divulgação
Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Impressa + Digital

Plano completo da VEJA! Acesso ilimitado aos conteúdos exclusivos em todos formatos: revista impressa, site com notícias 24h e revista digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Receba semanalmente VEJA impressa mais Acesso imediato às edições digitais no App.

a partir de R$ 39,90/mês

Digital

Plano ilimitado para você que gosta de acompanhar diariamente os conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e ter acesso a edição digital no app, para celular e tablet.

Colunistas que refletem o jornalismo sério e de qualidade do time VEJA.

Edições da Veja liberadas no App de maneira imediata.

a partir de R$ 19,90/mês