Veja Digital - Plano para Democracia: R$ 1,00/mês
José Casado Por José Casado Informação e análise

Consultas depois da morte, um dos mistérios da Prevent Senior

O estranho caso da mulher que médicos dizem estar morta há 17 meses mas foi atendida no mês passado, segundo disse um diretor da empresa à CPI

Por José Casado Atualizado em 1 out 2021, 11h59 - Publicado em 1 out 2021, 08h30

Semana passada, um diretor da Prevent Senior levou à CPI da Pandemia uma lista de 636 pessoas que receberam tratamento médico-hospitalar no início da pandemia.

Pedro Benedito Batista Júnior exibiu a documentação no plenário da comissão, e indicou aos senadores: “Gostaria que vocês prestassem atenção no quinto paciente do primeiro grupo, de cima pra baixo: MCO, 70 anos, sexo feminino. O.k.?”

Acrescentou, se referindo ao grupo de médicos que denunciou à imprensa ao menos nove omissões de mortes por Covid-19 na Prevent Senior, no ano passado: “Essa paciente – MCO, 70 anos, feminino – eles colocaram como morta, mas a paciente está viva, senadores. Ela passou em consulta agora no último dia 7 de setembro conosco. O.k.?”

Na sequência, a CPI convocou a advogada dos médicos. Bruna Mendes dos Santos Morato, na última terça-feira, citou o caso, brevemente, durante as … horas de depoimento. “Eu fiz a verificação de cada um dos óbitos”, disse, “as pessoas continuam falecidas.”

“Eu achei muito interessante” — continuou — “o fato de o doutor Pedro Batista ter dito aqui que a paciente foi até o plano de saúde [no último 7 de setembro]. É uma situação um tanto quanto atípica, porque ela está no registro nacional de óbitos.”

A CPI termina dentro 20 dias. É tempo suficiente para desvendar o mistério de pacientes de um plano de saúde atendidos em consulta médica 17 meses depois da morte oficial.

Continua após a publicidade


Publicidade

Essa é uma matéria exclusiva para assinantes. Se já é assinante, entre aqui. Assine para ter acesso a esse e outros conteúdos de jornalismo de qualidade.

Essa é uma matéria fechada para assinantes e não identificamos permissão de acesso na sua conta. Para tentar entrar com outro usuário, clique aqui ou adquira uma assinatura na oferta abaixo

Informação de qualidade e confiável, a apenas um clique. Assine VEJA.

Plano para Democracia

- R$ 1 por mês.

- Acesso ao conteúdo digital completo até o fim das eleições.

- Conteúdos exclusivos de VEJA no site, com notícias 24h e acesso à edição digital da revista no app.

- Válido até 31/10/2022, sem renovação.

3 meses por R$ 3,00
( Pagamento Único )

Digital Completo



Acesso digital ilimitado aos conteúdos dos sites e apps da Veja e de todas publicações Abril: Veja, Veja SP, Veja Rio, Veja Saúde, Claudia, Placar, Superinteressante,
Quatro Rodas, Você SA e Você RH.

a partir de R$ 9,90/mês

ou

30% de desconto

1 ano por R$ 82,80
(cada mês sai por R$ 6,90)