Clique e Assine VEJA por R$ 9,90/mês
Imagem Blog

Em Cartaz

Por Raquel Carneiro Materia seguir SEGUIR Seguindo Materia SEGUINDO
Do cinema ao streaming, um blog com estreias, notícias e dicas de filmes que valem o ingresso – e alertas sobre os que não valem nem uma pipoca
Continua após publicidade

3 filmes que alertam para os perigos do extremismo político

Boas produções abordam diferentes aspectos do radicalismo autoritário moderno — e ajudam a entender o terror bolsonarista em Brasília

Por Marcelo Canquerino Atualizado em 10 jan 2023, 13h13 - Publicado em 10 jan 2023, 09h59

No último domingo, 8, as sedes dos três poderes em Brasília sofreram ataques golpistas promovidos por terroristas apoiadores do ex-presidente Jair Bolsonaro. Revelando o lado extremista da direita, o grupo de pessoas que invadiu o local depredou o patrimônio público e danificou diversas obras de arte. Na ficção, não faltam produções que abordem os problemas causados pelo extremismo político. Confira 3 filmes, de distopias a histórias reais, que alertam para esses perigos:

Uma Noite de Crime
Onde assistir: Amazon Prime Video e Star+

No futuro, as prisões dos Estados Unidos estão cheias e não comportam mais detentos. Para resolver o problema, o país aprova uma lei segundo a qual, durante uma noite no ano, todos os tipos de crimes são permitidos. A justificativa do governo americano para a medida é dar “liberdade” aos cidadãos de bem para que eles possam liberar seus impulsos violentos. Durante uma dessas noites, o filho mais novo de James (Ethan Hawke), vendedor de sistemas de segurança, aceita abrigar um homem que está sendo perseguido sem imaginar que, ao fazer isso, estaria colocando em risco sua família.

Continua após a publicidade

Infiltrado na Klan
Onde assistir: NOW, disponível para compra e aluguel no Google Play e iTunes

Baseado em uma história real, o filme acompanha Ron Stallworth (John David Washington), policial da cidade de Colorado Springs que em 1978 se infiltra em um grupo local da Ku Klux Klan. Dirigida por Spike Lee, a história mostra como Ron conseguiu se tornar líder da seita e assim sabotou diversos crimes e linchamentos promovidos por racistas. O longa foi indicado ao Oscar de melhor filme em 2019 e traça diversos paralelos com a atualidade, principalmente no que diz respeito ao extremismo político.

Continua após a publicidade

Rede de Ódio
Onde assistir: 
Netflix

Tomasz (Maciej Musialowski) é um jovem que acabou de ser expulso da faculdade de Direito por plágio. Ele encontra um trabalho numa agência que gerencia mídias sociais e lá fica responsável por difamar celebridades e políticos grandes na Polônia por meio de perfil falsos. Ao mesmo tempo que percebe um talento para a manipulação digital, Tomasz toma consciência dos efeitos nefastos das fake news em suas vítimas — enquanto descobre que seus atos têm graves consequências na realidade.

Publicidade

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

Domine o fato. Confie na fonte.

10 grandes marcas em uma única assinatura digital

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 9,90/mês*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de 49,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$118,80, equivalente a 9,90/mês.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.