Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Veja a evolução da Terra nos últimos 30 anos

A atualização do Earth Engine, do Google, traz para o público as mudanças da Terra de 1984 a 2016 com uma ferramenta chamada Timelapse

A Terra passou por mudanças consideráveis nos últimos trinta anos – alterações climáticas, terremotos e aumento da urbanização. Agora, é possível ver as imagens dessas transformações através de um aplicativo. A ferramenta Earth Engine, do Google, que revela as características físicas e ambientais de qualquer ponto do planeta, ganhou uma atualização e o público pode ver as mudanças em quadros de imagens com intervalos de tempo na velocidade rápida, média ou lenta.

O projeto é resultada parceria do Google com a Nasa, a revista TIME e a agência americana de pesquisas científicas, a US Geological Survey (USGS).

O público pode conferir os mínimos detalhes das mudanças em áreas glaciais, como na Geleira Shirase, na Antártida, ou a reconstrução da Ponte da Baía de Oakland, em São Francisco, nos Estados Unidos. Além disso, pode ser observados o crescimento da área urbana e a devastação das florestas pelo ser humano, como em Rondônia.


Evolução num piscar de olhos

A ferramenta lançada em 2013 trazia apenas registros de 1984 a 2012.  Com banco de fotos atualizado dos últimos quatro anos, as imagens ficaram mais nítidas e com menos distorções físicas. As fotografias com mais qualidade foram captadas pelos últimos satélites lançados no espaço, o Landsat 8, da Nasa, e o Sentinel-2, da Agência Espacial Europeia (ESA).

A tarefa de trazer qualidade para o aplicativo não foi fácil. Primeiro, os responsáveis pela atualização compararam as imagens geradas no Google Earth com as mais de 5 milhões de fotos captadas por cinco satélites diferentes nos últimos 30 anos, incluindo os dois novos. O segundo passo foi selecionar os melhores pixels de cada foto e gerar a melhor imagem possível para cada ano da Terra no Timelapse.

Qualquer lugar do mundo pode ser observado. Para isso, basta digitar o local no campo de pesquisa do aplicativo. O Google ainda disponibilizou uma playlist no Youtube com as transformações mais surpreendentes.

 

 

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Luis Carlos Zardo

    Crescimento populacional vai matar este planeta e a nós mesmos, apenas cegos não enxergam isto.

    Curtir