Group 21 Copy 4 Created with Sketch.

Unesco compartilhará experiência na restauração de Pompeia

A Unesco ajudará a Itália com sua experiência na restauração do sítio arqueológico de Pompeia, Herculanum e Torre Annunziata, que sofre com a degradação apesar de estar inscrito como Patrimônio Mundial da Humanidade, informou a organização esta terça-feira.

Um acordo de cooperação entre a Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) e a Itália sobre a restauração deste sítio foi assinado, em Paris, por Francesco Bandarin, vice-diretor-geral da organização para a Cultura, informou a Unesco em um comunicado.

A duração do acordo é de nove meses, mas poderá ser prorrogado.

A contribuição da Unesco será financiada pelo ministério italiano da Cultura, acrescentou o comunicado.

Há um ano, o desmoronamento da Casa dos Gladiadores e depois de parte de um muro da Casa do Moralista, em Pompeia, após fortes chuvas, causou preocupação internacional.

A Unesco enviou, em seguida, duas missões ao local, em dezembro de 2010 e junho de 2011, para estudar a situação do sítio, inscrito na lista do patrimônio desde 1997, e ver como tem sido preservado.

A preservação do sítio de Pompeia é uma “tarefa complexa”, disse Bandarin, citado no comunicado.