Clique e assine a partir de 8,90/mês

SpaceX lança foguete Falcon Heavy com carro Tesla a bordo

Sucesso do lançamento torna o automóvel o primeiro carro enviado à órbita solar; o foguete, por sua vez, é o veículo espacial mais poderoso em operação

Por Reuters - Atualizado em 30 jul 2020, 20h28 - Publicado em 6 fev 2018, 19h39

Um automóvel Roadster vermelho da Tesla, empresa de carros elétricos do empresário sul-africano Elon Musk, foi lançado, nesta terça-feira, para onde nenhum outro carro esportivo chegou antes: o espaço sideral. O automóvel de luxo foi utilizado como carga no voo teste de estreia altamente esperado do novo foguete jumbo Falcon Heavy, da SpaceX (empresa de transporte espacial, também de Musk). No banco do motorista, a SpaceX colocou um boneco com roupa de astronauta apelidado de Starman — homem das estrelas.

O lançamento ocorreu às 18h45 (horário de Brasília), na base de Cabo Caravenal, nos Estados Unidos. O sucesso do lançamento torna o Falcon Heavy o foguete mais poderoso em operação e o veículo espacial mais poderoso a ser lançado dos Estados Unidos desde os foguetes Saturn 5, da Nasa, que transportaram astronautas para a lua 45 anos atrás.

Provavelmente a SpaceX, com sede na Califórnia, vai ganhar vantagem em relação às companhias de foguetes comerciais rivais que buscam contratos importantes com a Nasa, as Forças Armadas dos EUA, empresas de satélites e até mesmo com turistas espaciais pagantes.

Além disso, o “passageiro” do Falcon Heavy estará estabelecendo um recorde como o primeiro carro enviado à órbita solar — em uma promoção de alta tecnologia inventada pelo próprio Musk.

https://www.instagram.com/p/BezcvpzAgYI/

“Eu adoro a ideia de um carro navegando aparentemente sem parar pelo espaço e talvez sendo descoberto por uma raça alienígena milhões de anos no futuro”, disse o empresário bilionário e fundador da SpaceX em uma publicação no Twitter no mês passado.

O Falcon Heavy é projetado para transportar cargas úteis de muito maior peso do que um carro esportivo, com o SpaceX vangloriando sua capacidade de colocar cerca de 70 toneladas em órbita terrestre por um custo de 90 milhões de dólares por lançamento.

Continua após a publicidade

Em suas redes sociais, Musk postou um vídeo do “motorista” do carro observando a Terra do espaço.

Continua após a publicidade
Publicidade